Topo
Mauricio Stycer

Mauricio Stycer

Amazon mostra a sua força e exibe Famílias Frente a Frente antes do SBT

Mauricio Stycer

11/10/2019 14h12

Tiago Abravanel com os jurados do FFF, Carmem Virgínia, Gilda Bley e Alê Costa

Novidade nos acordos de coprodução na televisão brasileira, os episódios inéditos do reality Famílias Frente a Frente serão exibidos originalmente na Amazon Prime Vídeo e não no SBT, que só pode mostrá-los um dia depois. Até então, em outros acordos do gênero, a chamada "primeira janela" de exibição sempre foi dos canais de TV aberta.

Comandado por Tiago Abravanel, o programa que estreia nesta sexta-feira (11) no SBT está disponível desde quinta (10) no serviço de streaming da Amazon. O episódio mostra a desclassificação de seis das 12 famílias que disputaram a competição. A primeira temporada terá 10 episódios e já está gravada. Apenas a final será exibida simultaneamente na plataforma de streaming e no canal de TV.

O próprio SBT já fez várias coproduções com o grupo Discovery, por exemplo, para programas como "Fábrica de Casamentos" e "Bake Off Brasil", e sempre teve o direito da "primeira janela". Na visão do canal pago, esta prioridade do SBT não atrapalhou nada. Ao contrário, até ajudou, como forma de promoção.

A Globo tem feito experiências de "primeira janela" no serviço de streaming com as suas próprias produções. Isso ocorreu com "Assédio", "Ilha de Ferro" e "Brasil a Bordo", entre outros. Esta política atualmente também é aplicada com "Malhação" e a novela das 18h, "Éramos Seis". Mas neste caso é uma estratégia da empresa, no esforço de dar visibilidade à Globoplay.

Por que a Amazon está tendo prioridade sobre o SBT em Famílias Frente a Frente? "Por questões estratégicas, dados sobre negociação não são divulgados", respondeu o canal de Silvio Santos. A Amazon disse que não iria comentar. A explicação mais plausível é que o serviço de streaming americano está investindo mais recursos que o canal brasileiro no programa e, assim, teve prioridade na exibição.

Veja também
Espião de Silvio? Tiago Abravanel ri de teoria e diz por que saiu da Globo

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Mauricio Stycer, jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 30 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na "Folha de S.Paulo". Começou a carreira no "Jornal do Brasil", em 1986, passou pelo "Estadão", ficou dez anos na "Folha" (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o diário esportivo "Lance!" e a revista "Época", foi redator-chefe da "CartaCapital", diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018), "Adeus, Controle Remoto" (Arquipélago, 2016), “História do Lance! – Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo” (Alameda, 2009) e "O Dia em que Me Tornei Botafoguense" (Panda Books, 2011).

Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Sobre o blog

Um espaço para reflexões e troca de informações sobre os assuntos que interessam a este blogueiro, da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mauricio Stycer