Topo
Blog do Mauricio Stycer

Blog do Mauricio Stycer

Sem concorrência do Pânico, João Kleber cresce e bate recordes de audiência

Mauricio Stycer

20/08/2018 12h44


O ano de 2018 tem sido bom para o "João Kleber Show". Sem a concorrência do "Pânico na Band", encerrado no final do ano passado, o programa de pegadinhas da RedeTV! tem batido sucessivos recordes de audiência. Neste domingo (19), no ar entre 23h e 0h45, registrou média de 5,1 pontos, a maior da sua história, ficando em quarto lugar – por 39 minutos foi vice-líder, atrás apenas da Globo.

Entre janeiro e julho, o programa de João Kleber registrou um crescimento de 30% de audiência – um índice considerável. De uma média de 3,15 pontos no primeiro mês do ano, fechou no sétimo mês com média de 4,1.

Depois de testar vários formatos, a atração se concentrou em pegadinhas, em especial as que envolvem modelos com pouca roupa, em brincadeiras de duplo sentido, que fazem a alegria do criador dos GCs. Uma cena de pescaria, por exemplo, virou "Loira quer aprender a pegar na vara e deixa mulherada no maior veneno".

Veja também
Marido adúltero no Você Na TV já caiu em 2 pegadinhas no João Kleber Show

Comentários são sempre muito bem-vindos, mas o autor do blog publica apenas os que dizem respeito aos assuntos tratados nos textos.

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

Sobre o autor

Mauricio Stycer
É jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 29 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na “Folha de S.Paulo''. Começou a carreira no “Jornal do Brasil'', em 1986, passou pelo “Estadão'', ficou dez anos na “Folha'' (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o “Lance!'' e a “Época'', foi redator-chefe da “CartaCapital'', diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros “Adeus, Controle Remoto'' (editora Arquipélago, 2016), “História do Lance! – Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo” (Alameda, 2009) e “O Dia em que Me Tornei Botafoguense'' (Panda Books, 2011).
Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Sobre o blog

Um espaço para reflexões e troca de informações sobre os assuntos que interessam a este blogueiro, da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.