Blog do Mauricio Stycer

Novelas derrubam audiência do jogo da seleção no Brasil e na Argentina

Mauricio Stycer

11/11/2016 12h29

Depois de quatro vitórias seguidas da seleção brasileira sob o comando de Tite, a partida contra a Argentina, nesta quinta-feira (10) tinha tudo para ser um fenômeno de audiência. Mas não foi. O jogo registrou em São Paulo 33,6 pontos, um bom resultado, mas inferior ao alcançado em setembro por Brasil x Colômbia, que marcou 34,7.

O que explica isso? Um fator a considerar é a audiência da novela das 21h, que antecede o futebol na Globo. No dia 6 de setembro, “Velho Chico” marcou 26,5 pontos; nesta quinta-feira, “A Lei do Amor” registrou 23,6 – três pontos a menos.

Outro aspecto a considerar é a possibilidade de o número de aparelhos ligados ter sido menor em função do clima. Também resta averiguar se a audiência do SporTV, que também transmitiu a partida, foi maior do que o normal (foi a estreia de Muricy Ramalho como comentarista do canal), “roubando” público da Globo.

A maior audiência com futebol em 2016 pertence à transmissão da final da Rio-2016, entre Brasil e Alemanha. A conquista do inédito ouro rendeu 37 pontos à Globo.

Na Argentina, segundo dados divulgados pela Record, a partida entre as duas seleções teve menos audiência que “Os Dez Mandamentos”. Exibida pela Telefe, a novela bíblica está em seu auge, apresentando as pragas envidas por Deus ao Egito. O capítulo desta quinta-feira marcou média de 24,3 pontos, contra 18,9 da transmissão do jogo entre Brasil e Argentina.

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

Sobre o autor

Jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 29 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na “Folha de S.Paulo''. Começou a carreira no “Jornal do Brasil'', em 1986, passou pelo “Estadão'', ficou dez anos na “Folha'' (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o “Lance!'' e a “Época'', foi redator-chefe da “CartaCapital'', diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros “Adeus, Controle Remoto'' (editora Arquipélago, 2016), “História do Lance! – Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo” (Alameda, 2009) e “O Dia em que Me Tornei Botafoguense'' (Panda Books, 2011).
Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Sobre o blog

Um espaço para reflexões e troca de informações sobre os assuntos que interessam a este blogueiro, da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Blog do Maurício Stycer
Topo