PUBLICIDADE
Topo

Ibope: jogo da seleção brasileira supera "Os Dez Mandamentos"

Mauricio Stycer

08/10/2015 22h10

Com curva de audiência ascendente, "Os Dez Mandamentos" já registrou vitórias contra a Globo enfrentando o "Jornal Nacional" e a novela das 21h30, "A Regra do Jogo". No início de setembro, por causa de um amistoso contra os Estados Unidos, a novela bíblica encarou a seleção brasileira pela primeira vez – e empatou no Ibope, em São Paulo, nos poucos minutos que se enfrentaram.

Nesta quinta-feira, "Os Dez Mandamentos" foi ao ar, durante toda a sua duração, ao mesmo tempo que a primeira partida do Brasil pelas Eliminatórias da Copa de 2018, contra o Chile, em Santiago. O resultado foi favorável à seleção.

Segundo dados do Ibope, em São Paulo, a novela marcou 19,9 pontos de média, contra 23,3 do jogo (cada ponto no Ibope equivale a 67 mil residências na Grande São Paulo). No Rio, o placar foi 22,7 a 24,4.

Para se preparar para a "luta", a Record reeditou vários capítulos da novela exibidos esta semana de maneira a deixar para esta quinta-feira as cenas da sétima praga enviada por Deus ao Egito – uma chuva de granizo e bolas de fogo. Estas cenas estavam previstas, originalmente, para irem ao ar entre os capítulos de terça e quarta-feira. O capítulo começou às 20h30 e terminou por volta das 21h50.

Atualizado às 13h de 9 de outubro.

Veja também
Após extintor, diretor de "Dez Mandamentos" afirmar estar duplamente atento
Difícil de gravar, 7ª praga em "10 Mandamentos" teve explosões e chroma key

O blog está no Twitter e no Facebook.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Mauricio Stycer, jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 30 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na "Folha de S.Paulo". Começou a carreira no "Jornal do Brasil", em 1986, passou pelo "Estadão", ficou dez anos na "Folha" (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o diário esportivo "Lance!" e a revista "Época", foi redator-chefe da "CartaCapital", diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018), "Adeus, Controle Remoto" (Arquipélago, 2016), “História do Lance! – Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo” (Alameda, 2009) e "O Dia em que Me Tornei Botafoguense" (Panda Books, 2011).

Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Sobre o blog

Um espaço para reflexões e troca de informações sobre os assuntos que interessam a este blogueiro, da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.

Mauricio Stycer