Topo
Blog do Mauricio Stycer

Blog do Mauricio Stycer

Monica Iozzi consegue tirar o humorístico “Tomara que Caia” do sério

Mauricio Stycer

14/09/2015 01h02

tomaraquecaiaiozziEm uma participação especial breve, mas contundente, Monica Iozzi mostrou à equipe do "Tomara que Caia" que o programa tem condições que cumprir a função a que se propõe nas noites de domingo. A saber, fazer o público se divertir.

Debochada, a atriz deu um show particular em suas cenas. Interagiu com o público, citando o "Sai de Baixo", improvisou, errou, pediu para repetir uma entrada e desfilou pelo palco com um cartaz fazendo publicidade do "Video Show", programa que apresenta na Globo.

Mônica fez, ainda, menção ao seriado "Chaves", do SBT, e uma referência à Xuxa, dizendo "senta lá, Claudia", em uma cena. Em um diálogo com Eri Johnson, falou: "Você é policial? Com essa cara de jogador de futevôlei?" Não sei dizer se foram improvisos ou estavam previstas no texto, mas as situações provocaram gargalhadas do público.

Como já escrevi, o "Tomara que Caia" tem sofrido muito com textos pouco inspirados e a falta de traquejo de parte do elenco para o improviso. Sem compromisso com o programa, Monica Iozzi roubou a cena com a sem-cerimônia e os exageros de sua participação.

Leia também
Sem graça alguma, "Tomara que Caia" vale pelo risco de testar novo formato
Atores sem jeito para o improviso ajudaram a afundar o "Tomara que Caia"

O blog está no Twitter e no Facebook.

Sobre o autor

Jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 29 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na “Folha de S.Paulo''. Começou a carreira no “Jornal do Brasil'', em 1986, passou pelo “Estadão'', ficou dez anos na “Folha'' (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o “Lance!'' e a “Época'', foi redator-chefe da “CartaCapital'', diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros “Adeus, Controle Remoto'' (editora Arquipélago, 2016), “História do Lance! – Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo” (Alameda, 2009) e “O Dia em que Me Tornei Botafoguense'' (Panda Books, 2011).
Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Sobre o blog

Um espaço para reflexões e troca de informações sobre os assuntos que interessam a este blogueiro, da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor.