Blog do Mauricio Stycer http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br Espaço para reflexões e troca de informações sobre os assuntos que interessam a este blogueiro, da alta à baixa cultura, do esporte à vida nas grandes cidades, sempre que possível com humor. Wed, 24 May 2017 07:01:27 +0000 pt-BR hourly 1 https://wordpress.org/?v=4.7.2 Seis personagens que estão fazendo a diferença em “A Força do Querer” http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/24/seis-personagens-que-estao-fazendo-a-diferenca-em-a-forca-do-querer/ http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/24/seis-personagens-que-estao-fazendo-a-diferenca-em-a-forca-do-querer/#respond Wed, 24 May 2017 07:01:27 +0000 http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/?p=36731

Melhor audiência de uma novela das 21h da Globo desde 2013, “A Força do Querer” segue crescendo no Ibope e batendo recordes. Entre as qualidades da trama de Gloria Perez, destaco no UOL Vê TV (vídeo acima) a construção dos personagens Ritinha (Isis Valverde), Jeiza (Paolla Oliveira), Eugênio (Dan Stulbach), Ivana (Carol Duarte), Rubinho (Emilio Dantas) e Silvana (Lilia Cabral).

Veja também

Novela sobre mulheres fortes, A Força do Querer tem melhor início desde 2013

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

]]>
0
Pedra no sapato de Trump, talk show de Colbert é o mais visto do ano nos EUA http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/23/pedra-no-sapato-de-trump-talk-show-de-colbert-e-o-mais-visto-do-ano-nos-eua/ http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/23/pedra-no-sapato-de-trump-talk-show-de-colbert-e-o-mais-visto-do-ano-nos-eua/#respond Wed, 24 May 2017 00:07:46 +0000 http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/?p=36738

Prestes a terminar, a temporada 2016-17 vai consagrar Stephen Colbert como apresentador do talk show com maior público da TV americana. A CBS, que exibe o “The Late Show”, não ficava em primeiro lugar desde 1995.

O grande perdedor nesta disputa, ainda que por margem estreita, é Jimmy Fallon, cujo “The Tonight Show”, na NBC, foi superado este ano.

O sucesso de Colbert está diretamente ligado àquele que, ainda em 2016, foi eleito como o seu principal alvo: Donald Trump. Primeiro como candidato à Presidência e depois, já vitorioso, instalado na Casa Branca, Trump vem tendo todos os passos, atos e discursos comentados, com muita ironia e deboche, pelo apresentador.

Espécie de pedra no sapato de Trump, Colbert festejou, há duas semanas, ter sido ofendido pelo presidente em uma entrevista à revista “Time”. Foi chamado de “sem talento” e “sujo” (veja abaixo).

O anúncio, nesta terça-feira (23), que o seu talk show foi o campeão de audiência da temporada é uma prova de que o público discorda de Trump. Colbert está muito longe de ser um “sem talento”.

Como escrevi antes, o sucesso deste talk show premia o investimento na relevância, em contraste com a aposta no entretenimento, de Fallon. E deixa no ar uma sugestão aos apresentadores de talk show no Brasil.

Veja também
Chamado de “sujo” por Trump, apresentador de talk show festeja: “Eu ganhei”

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

]]>
0
Zileide Silva é interrompida por ela mesma em plantão da Globo no Acre http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/23/zileide-silva-e-interrompida-por-ela-mesmo-em-plantao-da-globo-no-acre/ http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/23/zileide-silva-e-interrompida-por-ela-mesmo-em-plantao-da-globo-no-acre/#respond Tue, 23 May 2017 16:10:07 +0000 http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/?p=36725

No Acre, Zileide interrompe ele mesma pra plantão, entenda pic.twitter.com/Fx1Z7thiDp

— Fellipi Almeida (@Lipejp15) 20 de maio de 2017

O pronunciamento do presidente Michel Temer no último sábado (20) produziu um fato curioso. Exibido no meio da tarde, ele foi precedido por um alerta de plantão da Globo, apresentado por Zileide Silva. No Acre, com duas horas de diferença em relação ao horário de Brasília, o plantão ocorreu justamente no momento em que a Globo local exibia o jornal “Hoje”. E quem estava apresentando o telejornal? A mesma Zileide Silva. A situação inédita pode ser vista no vídeo acima.

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

]]>
0
Para elevar Ibope de Os Dias Eram Assim, Globo “sacrifica” a série Vade Retro http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/23/para-elevar-ibope-de-os-dias-eram-assim-globo-sacrifica-a-serie-vade-retro/ http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/23/para-elevar-ibope-de-os-dias-eram-assim-globo-sacrifica-a-serie-vade-retro/#respond Tue, 23 May 2017 13:57:31 +0000 http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/?p=36717
Como ocorreu na última semana, a Globo novamente vai inverter os horários de “Os Dias Eram Assim” e “Vade Retro” nesta quinta-feira (25). A emissora avalia que a medida, destinada a levantar o Ibope da novela das 23h, teve resultados positivos.

Indo ao ar depois de “A Força do Querer”, “Os Dias Eram Assim” registrou média de 18,5 pontos em São Paulo. Uma semana antes, na quinta-feira 11, havia marcado apenas 11,4 pontos – um crescimento de 62%. Já a série a “Vade Retro” despencou de 16,6 pontos no dia 11 para 11,2 no dia 18 – uma perda de 33% de audiência.

É preciso levar em conta que, por causa da crise política, o “Jornal Nacional” no dia 18 se estendeu e atrasou toda a programação noturna. Mesmo depois da novela das 21h, “Os Dias Eram Assim” acabou indo ao ar no horário de sempre. Quem sofreu mais foi a série protagonizada por Tony Ramos e Monica Iozzi, que chegou ao espectador por volta da meia-noite.

Ao repetir a experiência nesta quinta-feira, a Globo poderá avaliar melhor o quanto custará, em termos de audiência, o “sacrifício” oferecido por “Vade Retro” para levantar o Ibope de “Os Dias Eram Assim”.

Veja também

Crise política frustra plano da Globo de exibir Os Dias Eram Assim mais cedo

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

]]>
0
Rock Story “corrige” trama polêmica e condena falsa acusação de agressão http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/23/rock-story-corrige-trama-polemica-e-condena-falsa-acusacao-de-agressao/ http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/23/rock-story-corrige-trama-polemica-e-condena-falsa-acusacao-de-agressao/#respond Tue, 23 May 2017 08:01:15 +0000 http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/?p=36708
Durou apenas quatro capítulos uma trama que incomodou o público feminino de “Rock Story”, a novela das 19h30 da Globo. Na última quarta-feira (17), orientada pelo vilão Lázaro (João Vicente de Castro), Mariane (Ana Cecília Costa) simulou uma situação para acusar falsamente Gui (Vladimir Brichta) de agressão.

Ela não foi à polícia, mas gravou um vídeo e o divulgou na internet. Apesar de Gui negar a agressão, Zac (Nicolas Prattes) ficou transtornado, em dúvida se acreditava no pai ou na mãe. O escândalo também causou prejuízos para a banda 4.4, que viu um show ser cancelado por conta dos acontecimentos.

Depois de alguns dias, Mariane se arrependeu. Convidada a dar um depoimento contra Gui em um programa de fofocas, ela surpreendeu o apresentador, Cassiano Junior (Caíke Luna), e confessou ter inventado toda a história da agressão, em cena exibida no capítulo desta segunda-feira (22).

Mariane fez um mea culpa, mas Maria Helena Nascimento, autora da novela, preferiu deixar para Diana (Alinne Moraes) o discurso de condenação de tudo o que ocorreu.

Irritada com a perda da guarda da filha para Gui, Diana havia concordado com o plano de Lázaro. Mas também se arrependeu. “Foi por uma boa causa, foi pra trazer a Chiara de volta pra você. Você não tá pensando direito”, disse Lázaro.

“Não, eu pensei direito, sim. O que a gente fez com o Gui foi muito pior do que ele fez comigo. Tá prejudicando muito mais gente. Agora, qualquer mulher que sofra uma violência vai ser comparada à Mariane. Vai ser tratada como se fosse uma mentirosa. Eu não quero a minha filha a esse preço”, discursou Diana.

Curiosamente, em “A Força do Querer” em breve ocorrerá uma situação semelhante. Cibele (Bruna Linzmeyer) vai ter uma discussão com o ex-noivo Ruy (Fiuk), e depois irá a uma delegacia, onde mentirá sobre o episódio, dizendo que foi agredida.

Estas duas situações estão indo ao ar pouco tempo depois de três notícias com muita repercussão sobre acusação de agressão ou assédio a mulheres – o indiciamento do cantor Victor Chaves, a expulsão do médico Marcos Harter do “BBB17” e a suspensão do ator José Mayer.

O texto falado pela personagem Diana no capítulo desta segunda de “Rock Story” pareceu ter destino certo.


Veja também

Em duas novelas, mulheres acusam falsamente ex-namorados de agressão

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

]]>
0
Temer reclama de “bombardeio” da Globo; TV diz que “não há o que comentar” http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/22/temer-reclama-de-bombardeio-da-globo-emissora-nao-comenta/ http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/22/temer-reclama-de-bombardeio-da-globo-emissora-nao-comenta/#respond Mon, 22 May 2017 17:46:58 +0000 http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/?p=36676
Na mesma entrevista à “Folha” em que alegou “ingenuidade” ao receber em sua
residência, tarde da noite, fora da agenda, um empresário investigado pela Justiça, o presidente Michel Temer reclamou do “bombardeio” que está sofrendo de “uma emissora de televisão” (a Globo).

Trata-se de uma questão interessante. O presidente está manifestando uma surpresa que não é apenas sua. Além de ter dado o furo jornalístico que colocou o assunto em pauta, por meio de “O Globo”, a cobertura feita pelos telejornais do grupo desde a noite da última quarta-feira (17) chama a atenção pelo volume, extensão e estridência.

Não é preciso ser perito para constatar que Temer se tornou o personagem principal de todos os noticiários da Globo desde então – e sempre com viés negativo.

Até mesmo o “Fantástico”, uma “revista eletrônica”, com cardápio sempre mais variado, investiu pesadamente no assunto neste domingo (21). De uma edição com 130 minutos, mais da metade (67 minutos) tratou do escândalo recente, com ênfase naturalmente no presidente. Isso para não falar do humorístico “Zorra”, que no sábado (20) “derreteu” Temer na abertura do programa (imagem abaixo).

Não creio, porém, que Temer tenha razão ao reclamar do volume e da extensão deste noticiário. As acusações são muitas e são graves – e não recaem sobre qualquer um, mas sobre o presidente da República. Qualquer veículo de comunicação com este nome tem a obrigação de dar tratamento sério ao assunto. É inescapável.

Questionada pelo blog, a Globo disse que “não há o que comentar”. Ao dedicar cinco minutos para resumir a entrevista do presidente à “Folha”, o “Bom Dia Brasil” (22) ignorou a observação de Temer sobre o “bombardeio” que estaria sofrendo. Um resumo muito semelhante foi exibido pelo jornal “Hoje”, igualmente sem mencionar a crítica do presidente.

Atualizado às 16h20.

Veja também
‘Se quiserem, me derrubem’, afirma Temer ao negar de novo a renúncia
Inquérito contra Temer apura corrupção, organização criminosa e obstrução à Justiça
Zorra derrete Temer, explode o Congresso e diz que “o povo quer Diretas Já”

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

]]>
0
Zorra derrete Temer, explode o Congresso e diz que “o povo quer Diretas Já” http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/20/zorra-derrete-temer-explode-o-congresso-e-diz-que-o-povo-quer-diretas-ja/ http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/20/zorra-derrete-temer-explode-o-congresso-e-diz-que-o-povo-quer-diretas-ja/#respond Sun, 21 May 2017 02:37:33 +0000 http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/?p=36664
Com um clipe de 70 segundos, o “Zorra” resumiu a crise política da semana de forma contundente neste sábado (20). A música “Bye, Bye, Brasil”, de Chico Buarque, virou “Cai, Cai, Brasil” na versão do humorístico da Globo.

Uma fotografia do presidente Michel Temer derreteu diante da tela, enquanto o senador Aécio Neves aparecia atrás de um vidro furado a bala. “Aqui tá pior que Bagdá”, cantou o “Zorra”, enquanto o público via uma montagem com imagens do Congresso Nacional pegando fogo depois da explosão de uma bomba.

O clipe se encerra dizendo que, diante do vazio político, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, “não vai segurar” e o “povo quer Diretas Já”.

Reformulado em 2015, o “Zorra” tem abordado desde então acontecimentos políticos em esquetes e clipes musicais. Toda a crise do ano passado, incluindo o impeachment de Dilma, a posse de Temer e a Lava-Jato, foi objeto de reflexão crítica e bem-humorada do programa. Este ano, o humorístico segue, desde a estreia da nova temporada, fazendo incursões no tema, mas nenhuma foi tão forte quanto a desta noite.


Abaixo, a letra de “Cai, Cai, Brasil”

“Cai, cai, Brasil
Mesada de R$ 500 mil,
pro Cunhar não dar nenhum pio,
foi isso que o Temer pediu
e o tal do Joesly gravou.

O Aécio também se encrencou,
dizendo que ia matar.

Aqui tá pior que Bagdá
Agora essa bomba explodiu.
A Dilma já caiu de lá
E o Temer tá por um fio

A gente não sabe quem vai governar
O Maia não vai segurar
O povo quer Diretas Já

Por favor
Cai, cai, Brasil”.

Veja também
“Zorra” volta com ótima reflexão sobre o papel do humor em tempos de crise

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

]]>
0
Crise política frustra plano da Globo de exibir Os Dias Eram Assim mais cedo http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/19/crise-politica-frustra-plano-da-globo-de-exibir-os-dias-eram-assim-mais-cedo/ http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/19/crise-politica-frustra-plano-da-globo-de-exibir-os-dias-eram-assim-mais-cedo/#respond Fri, 19 May 2017 03:29:53 +0000 http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/?p=36654
Anunciado desde a manhã de quarta-feira (17), o capítulo de “Os Dias Eram Assim” desta quinta (18) foi chamado de “especial” por uma razão: excepcionalmente, seria exibido imediatamente depois de “A Força do Querer”, antes de “Vade Retro”.

Ao antecipar o horário, a Globo planejava oferecer à novela das 23h a chance de começar mais cedo, às 22h21, e herdar a boa audiência da trama das 21h30. A crise política, porém, atrapalhou os planos.

O “Jornal Nacional” desta quinta foi inesperadamente longo. Começou às 20h35 e só terminou às 22h10, quando deveria ter acabado, segundo previsto em grade, às 21h15. Excluindo os intervalos comerciais, teve duração de 86 minutos — uma das mais longas edições da história, quase inteiramente dedicada a tratar das acusações envolvendo o presidente Michel Temer e o senador Aécio Neves.

O atraso do JN teve efeito em cascata. “A Força do Querer” terminou às 23h15, quando o previsto era 22h20. E, assim, a novela das 23h, programada para as 22h21, começou às 23h15, o horário de sempre. Quem sofreu mesmo foi “Vade Retro”. A série, normalmente exibida por volta das 22h30, entrou no ar às 23h55.

Audiência
A temperatura política ajudou, no entanto, em matéria de Ibope, em São Paulo. O longo “Jornal Nacional” bateu o recorde do ano, com 35 pontos. “A Força do Querer” foi igualmente muito bem, com 34 pontos, igualando a sua melhor marca. E “Os Dias Eram Assim”, apesar de ter começado tão tarde, registrou média de 19 pontos – seis pontos a mais que a média das quintas-feiras em São Paulo.

Veja também
Globo imita Record e capítulo de novela em novo horário vira “especial”

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

]]>
0
JN sobre Temer e Aécio cresce 10% e tem mais Ibope que edição sobre Lula http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/18/jn-sobre-temer-e-aecio-cresce-10-e-tem-mais-ibope-que-edicao-sobre-lula/ http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/18/jn-sobre-temer-e-aecio-cresce-10-e-tem-mais-ibope-que-edicao-sobre-lula/#respond Thu, 18 May 2017 17:18:40 +0000 http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/?p=36639

A edição do “Jornal Nacional” desta quarta-feira (17) registrou audiência bem acima da média para o dia, quando o telejornal costuma começar um pouco mais cedo e é mais curto por conta da transmissão de futebol. Com 33,4 pontos foi o melhor resultado da Globo em São Paulo no dia.

O resultado alcançado representa um crescimento de 10% em relação à média das últimas oito semanas, que foi de 30,4 pontos. Na quarta-feira anterior, dia em que o telejornal tratou do depoimento do ex-presidente Lula ao juiz Sergio Moro, a audiência foi de 30,8 pontos. Em 12 de abril, também uma quarta-feira, quando o noticiário girou em torno da “lista de Facchin”, o Ibope foi de 27,9. Cada ponto em São Paulo equivale a 70,5 mil residências ou 199 mil indivíduos.

A edição, muito tensa, por conta da divulgação no início da noite de revelações graves envolvendo o presidente Michel Temer e o senador Aecio Neves, foi marcada por erros e gafes. William Bonner chamou Temer de “ex”, mas se corrigiu antes de falar a palavra presidente. Renata Vasconcellos gaguejou em alguns momentos e a repórter Zileide Silva foi trollada ao entrar ao vivo de Brasília.

A edição do “JN” foi precedida por um plantão, igualmente dramático, que entrou no ar, de forma abrupta, durante a exibição da novela “Rock Story” (veja abaixo)

Veja também
Dono da JBS afirma que Temer deu aval a compra de silêncio de Cunha, diz “O Globo”
Bonner erra, Renata gagueja e Zileide é trollada em edição tensa do JN
Internet elege apresentadora Ana Furtado substituta oficial de Michel Temer

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

]]>
0
Ary Fontoura fala sobre ser Lula no cinema, coronel na TV e idoso no teatro http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/18/ary-fontoura-fala-sobre-ser-lula-no-cinema-coronel-na-tv-e-idoso-no-teatro/ http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/2017/05/18/ary-fontoura-fala-sobre-ser-lula-no-cinema-coronel-na-tv-e-idoso-no-teatro/#respond Thu, 18 May 2017 12:01:25 +0000 http://mauriciostycer.blogosfera.uol.com.br/?p=36624

Em cartaz no teatro com a peça “Num Lago Dourado” e podendo ser visto na televisão na reprise de “Tieta”, no Viva, o ator Ary Fontoura vai aparecer em breve nos cinemas no papel do ex-presidente Lula no filme “Polícia Federal, a Lei É para Todos”, sobre a Lava-Jato. Os três trabalhos são tema desta entrevista ao “UOL Vê TV”.

Aos 84 anos, o ator fala ainda sobre o arrependimento por não ter aceito um papel no filme “Dona Flor e seus Dois Maridos” – teria mudado o rumo de sua carreira, acredita (veja acima).

Na versão estendida da entrevista (abaixo), Ary fala um pouco sobre alguns dos mais marcantes papeis que já fez na televisão – são 52 anos só de TV Globo.

“Novela é um trabalho estritamente industrial; é difícil manter qualidade”

Siga o blog no Facebook e no Twitter.

]]>
0